Tamanho do texto

O índice Dow Jones subiu 1,25%, o Nasdaq avançou 1,21% e o S&P 500 ganhou 1,01%

As bolsas americanas subiram no dia diante da aprovação, pelo Parlamento grego, do projeto que detalha a implementação do pacote de austeridade, votado ontem. Internamente, os investidores comemoraram o desempenho da atividade manufatureira da região de Chicago em junho.

O Dow Jones subiu 1,25%, para 12.414 pontos. O Nasdaq avançou 1,21%, para 2.774 pontos; o S&P 500 ganhou 1,01% e fechou em 1.321 pontos. Com o resultado, os três principais índices das bolsas americanas fecharam o primeiro semestre em alta. O Dow Jones subiu mais de 7%, enquanto o S&P e o Nasdaq avançaram por volta de 5%. Assim, Wall Street deixou para trás um período turbulento, marcado por crises de dívida na Europa e dúvidas sobre uma possível desaceleração da economia americana.

No dia, cresceu o otimismo sobre a proximidade de uma solução para a crise grega. Além do novo projeto aprovado pelo Parlamento, os maiores bancos e seguradoras da Alemanha, bem como o governo do país, concordaram com uma proposta preliminar para rolar os títulos que possuem da Grécia.

Também na esteira da decisão do Parlamento, os presidentes da União Europeia e da Comissão Europeia assinaram um comunicado em que afirmam que a Grécia terá condições de receber os recursos previstos no plano de ajuda do grupo e do Fundo Monetário Internacional (FMI).

As bolsas americanas assimilaram ainda o dado do Instituto for Supply Management (ISM), que apontou um avanço significativo na atividade manufatureira na região de Chicago. O indicador ficou em 61,1 em junho, contra 56,6 em maio, em que leituras acima de 50 sinalizam crescimento.

No cenário coorporativo,a aposta dos investidores no crescimento econômico interno estimulou a alta das empresas de energia e tecnologia. A alta do Dow Jones foi puxada pelos papéis da Intel, da Hewlett-Packard e da Caterpillar.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.