Tamanho do texto

Os operadores voltaram a comprar franco suíço na manhã de hoje, depois de o Banco Nacional da Suíça (SNB, o banco central do país) decepcionar os investidores ao não atrelar a moeda ao euro, como se esperava

selo

Os operadores voltaram a comprar franco suíço na manhã de hoje, depois de o Banco Nacional da Suíça (SNB, o banco central do país) decepcionar os investidores ao não atrelar a moeda ao euro, como se esperava. Com isso, uma medida para injetar liquidez no mercado não foi suficiente para conter a valorização da divisa do país.

Após uma reunião hoje, o SNB decidiu aumentar o nível dos depósitos à vista dos bancos de 120 bilhões de francos para 200 bilhões de francos. Como os depósitos à vista são fundos que podem ser transferidos imediatamente e sem restrição para outra conta ou podem ser convertidos em dinheiro, a medida pretendia ampliar a liquidez no mercado e enfraquecer o franco.

Mas não foi o que aconteceu, pois os participantes do mercado estavam esperando que o SNB anunciasse que iria fixar o franco ao euro, já que recentemente autoridades da instituição haviam se negado a descartar essa ideia. "Isso decepcionou todo mundo. O SNB implicitamente disse ao mercado que iria haver um atrelamento e agora o mercado está desapontado", comentou Sebastien Galy, estrategista do Société Générale em Londres.

Estrategistas agora acreditam que o franco vai se fortalecer, mas não deverá voltar aos níveis recordes vistos na semana passada. "O mercado ainda está nervoso com relação a possíveis novas medidas do SNB", afirmou Ian Stannard, estrategista do Morgan Stanley.

Às 7h45 (de Brasília), o euro caía 0,72%, para 1,1392 franco suíço, enquanto o dólar recuava 0,98%, para 0,7888 franco suíço. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.