Tamanho do texto

Bolsa de Madri despencou 5,41% com as especulações de que país pediria empréstimo

O Fundo Monetário Internacional (FMI) negou rumores de que a Espanha está pedindo um empréstimo da instituição. "Não há verdade nesses rumores", disse o FMI em um comunicado emitido depois de vários questionamentos da imprensa.

A Bolsa de Madri fechou a sessão desta terça-feira em queda de 5,41%, pressionada por temores de um novo rebaixamento dos ratings de crédito da Espanha e em meio a especulações de que país poderia pedir um empréstimo do FMI.

Mais cedo o primeiro-ministro da Espanha, José Luis Rodríguez Zapatero, disse que o país tem capacidade de pagar sua dívida e que não precisa de ajuda da Europa. Zapatero acrescentou que qualquer especulação sobre a debilidade financeira na zona do euro além da Grécia é infundada. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.