Tamanho do texto

Fundo diz que se acordos forem cumpridos, poderia aprovar novo aporte no final do mês que vem

O Fundo Monetário Internacional (FMI) deve avaliar em setembro o desembolso de um novo lance no plano de resgate para a Grécia, indicou nesta quinta-feira um porta-voz. "Assumindo que os acordos se cumpram, o diretório executivo do FMI poderia estar em posição de considerar a aprovação do próximo desembolso para o final de setembro", afirmou David Hawley, porta-voz da instituição, em um encontro com jornalistas em Washington.

Hawley disse que uma missão do FMI, União Europeia (UE) e Banco Central Europeu (BCE) está atualmente em Atenas para a quinta revisão do programa de resgate financeiro pactuado com a Grécia e prevê o fim de sua tarefa para 5 de setembro.

O resultado dessa revisão dependerá da aprovação do desembolso em setembro dos 8 milhões de euros do sexto prazo do primeiro plano de resgate à Grécia, adotado em maio e no valor de 110 bilhões de euros.

O segundo plano de resgate, estipulado em julho pelos ministros da eurozona, consta de 109 bilhões de euros com a participação do FMI, aos quais se somarão outros 50 bilhões dos credores privados.