Tamanho do texto

SÃO PAULO - As bolsas europeias operam em alta nesta quarta-feira, reagindo à redução de juros no Japão e na expectativa de que outros países adotem medidas para impulsionar suas economias

. Em Londres, o FTSE 100 registrava, há pouco, alta de 0,53%, aos 5.665,52 pontos, enquanto em Paris, o CAC 40 subia 0,74%, para 3.759,47 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX ganhava 0,68% e marcava 6.258,19 pontos. Na bolsa de Madri, o Ibex 35 avançava 0,51%, para 10.706,00 pontos, mesma valorização do FTSE MIB, de Milão, que apresentava 20.615,37 pontos. Também contribui para o avanço das ações o aumento nos preços das commodities no mercado internacional. As mineradoras lideram as altas na bolsa de Londres, com os papéis da Anglo American subindo 3,99%, seguidos pelos da Xstrada e da BHP Billiton, com valorização de 3,25% e 3,18%, respectivamente. O setor bancário também é destaque, com as ações do Royal Bank Of Scotland registrando 1,75% de ganho, enquanto as do Lloyds sobem 1,32%. Os papéis do HSBC têm alta de 0,53% e os do Barclays, 0,47%. Na bolsa de Frankfurt, as ações do Deutsche Bank disparam 2,26% e, em Madri, as do Santander avançam 1,53%. Nesta manhã, a agência de estatísticas Eurostat confirmou as previsões de crescimento para a Europa no segundo trimestre. A zona do euro apresentou expansão de 1% em relação aos três meses antecedentes, quando o crescimento foi de 0,3%. Na União Europeia, o Produto Interno Bruto (PIB) teve aumento de 1% entre abril e junho, seguindo avanço de 0,4% no primeiro trimestre. (Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.