Tamanho do texto

Moeda foi beneficiada pela crescente confiança dos investidores na adesão dos credores privados ao acordo de reestruturação grego

selo

O euro subia em relação ao dólar e ao iene no fim da tarde desta quarta-feira, beneficiado pela crescente confiança dos investidores em que a adesão dos credores privados à reestruturação da dívida da Grécia será suficiente para garantir a consumação da troca de títulos da dívida.

Em meio a manifestações públicas de credores de que aceitariam a proposta da Atenas, aumentou a confiança em que o swap da dívida grega será concluído a tempo.

"O mercado está interpretando isto como mais um passo na direção do sucesso da troca de bônus, então a compra de euros é uma resposta automática", opinou Aroop Chatterjee, estrategista-chefe de câmbio do Barclays Capital em Nova York.

O euro passou a maior parte da manhã em ligeira alta antes de ganhar vigor com as notícias de que mais credores pretendem participar voluntariamente do swap da dívida.

No fim da tarde, em Nova York, o euro era negociado a US$ 1,3150, de US$ 1,3112 ontem. O iene estava cotado a 81,08 por dólar, de 80,88 ienes por dólar ontem, e a 106,62 por euro, de 106,09 ienes por euro ontem. A libra estava em US$ 1,5741, de US$ 1,5717 ontem. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.