Tamanho do texto

Crescimento foi potencializado depois do ativo ser excluído da base de recolhimento compulsório sobre depósitos a prazo

O estoque de letras financeiras atingiu hoje R$ 100 bilhões na Cetip. O ativo, criado em dezembro de 2009 para negociação privada, teve seu crescimento potencializado depois de ser excluído da base de recolhimento compulsório sobre depósitos a prazo, no final do ano passado.

Instrumento para as instituições financeiras captarem recursos no longo prazo, a letra financeira pode ter remuneração por taxa de juros prefixada, flutuante em DI ou Selic, ou por índice de preços. A emissão pública das letras foi regulamentada em dezembro pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).