Tamanho do texto

Na semana, Dow Jones subiu 2,4%, o Nasdaq subiu 2,24% e o S&P-500 ganhou 2,43%

selo

Os índices de ações da bolsa de valores de Nova York fecharam hoje com pouca oscilação em relação ao pregão de ontem, mas os índices Dow Jones e Standard & Poor's 500 registraram a maior alta semanal desde 23 de dezembro.

Leia também:
Bolsa fecha o dia em leve baixa, mas sobe na semana
Medida cambial limita perda do dólar

O índice industrial Dow Jones viu interrompida uma sequência de sete sessões de alta e caiu 20,14 pontos (0,15%), encerrando a sessão em 13.232,62 pontos. O Nasdaq, por sua vez, recuou 1,11 ponto (0,04%), fechando em 3.055,26 pontos. Já o índice Standard & Poor's 500 subiu 1,57 ponto (0,11%), terminando o pregão em 1.404,17 pontos.

Em termos semanais, porém, o Dow e S&P-500 registraram a maior alta em porcentual desde a semana entre 18 e 23 de dezembro do ano passado. Na semana, o Dow subiu 2,40%, o Nasdaq avançou 2,24% e o S&P-500 ganhou 2,43%.

Leia também: Bancos e mineradoras ajudam bolsas da Europa a subir

Na sessão de hoje, as ações abriram em alta, mas os mercados norte-americanos ficaram de lado depois de um resultado mais fraco do que o esperado do índice de confiança do consumidor norte-americano elaborado pela Universidade de Michigan.

"Basicamente, nós obtivemos os retornos de um ano inteiro em apenas um trimestre", comentou Alan Gayle, estrategista de investimento da Ridgeworth Investments. "Em um dia assim, depois de ganhos substanciais, pode-se dizer que você deve realizar algum lucro", prosseguiu.

Entre os destaques, as ações do Bank of America subiram 6,06%. Já as da Apple ficaram estáveis em US$ 585,57, subindo apenas US$ 0,01 no dia em que a terceira geração do iPad chegou às lojas em diversos países. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.