Tamanho do texto

SÃO PAULO - Os contratos de juros futuros negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) registravam leve queda, em um começo de semana marcado por recuperação das principais bolsas de valores

SÃO PAULO - Os contratos de juros futuros negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) registravam leve queda, em um começo de semana marcado por recuperação das principais bolsas de valores. Por volta das 12h30, o DI de abertura de 2013 apresentava queda de 0,03 ponto percentual, a 11,84%, o de janeiro de 2014 recuava 0,06 ponto percentual, a 11,83%, e o do início de 2015 cedia 0,1 ponto percentual, a 11,86%. Os contratos de abertura de 2016 e 2017 perdiam 0,02 ponto e 0,1 ponto, respectivamente, a 11,92% e 11,84%. Entre os contratos de vencimentos mais curtos, o de início de 2012 operava inalterado, a 12,07%. Na início da manhã, o boletim Focus mostrou que o mercado manteve a projeção da taxa básica de juros (Selic) no fim deste ano em 12,50%. Nos Estados Unidos, os títulos soberanos do governo americano operavam próximos à estabilidade, mesmo após o resultado fraco de dados sobre a produção manufatureira no Estado de Nova York. As notas com prazo de trinta anos apontavam rendimento de 3,72%, em ascensão de 0,026 ponto percentual. Os títulos de 10 anos saíam a 2,25%, 0,016 ponto mais alto. Para analistas do Bank of America, o medo de uma recessão deve continuar a dominar a negociação dos papéis de dívida dos Estados Unidos. Segundo relatório do banco, o desempenho dos Treasuries de dez anos deve ficar no patamar de 2,5% (Filipe Pacheco | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.