Tamanho do texto

Ataque de hackers à rede de computadores do banco atingiu mais de 360 mil cartões de crédito

O Citigroup, terceiro maior banco dos Estados Unidos, revelou que aproximadamente 3,4 mil clientes tiveram prejuízos estimados em US$ 2,7 milhões (R$ 4,3 milhões) com a invasão de sua rede de computadores por hackers, segundo matéria publicada neste sábado no site de notícias Bloomberg.

Segundo a nota, o porta-voz do banco, Sean Kevelighan, garantiu que os clientes seriam reembolsados por todas as perdas decorrentes do ataque dos hackers.

Esta é a primeira em que o Citigroup reconhece que incidente gerou perdas financeiras. No início do mês, o banco revelou que o ataque de hackers à sua rede de computadores atingiu mais de 360 mil cartões de crédito.

“ O Citi imediatamente confirmou a violação de dados assim que descobriu o ataque, gerando alertas de fraude interna e monitorando todas as contas em risco", disse Kevelighan em um e-mail no início deste mês. "Ao mesmo tempo, demos início a uma análise para determinar que contas foram atacadas e que informações foram acessadas".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.