Tamanho do texto

Banco quer ampliar base de clientes; além do prazo maior, a Caixa também aceita o único imóvel residencial como garantia

selo

Com o objetivo de ampliar sua base de clientes, a Caixa Econômica Federal decidiu aumentar o prazo máximo de contratação do Crédito Aporte de 120 para 180 meses. Além disso, agora o banco também aceita o único imóvel residencial do cliente como garantia.

Em nota, a instituição destaca que esse tipo de operação - que também é conhecida como home equity - é muito comum em países desenvolvidos e está ganhando força no Brasil. Nos primeiros cinco meses deste ano, a Caixa liberou R$ 340 milhões para este segmento. O montante já é superior ao contratado durante todo o ano de 2010.

Crédito Aporte

No Crédito Aporte da Caixa, o limite é concedido de acordo com a capacidade de pagamento do cliente, sendo no mínimo de R$ 20 mil e no máximo 70% do valor de avaliação do imóvel utilizado como garantia.

Veja também:

- Mantega diz a novo presidente do BNB para aumentar crédito
- Inadimplência do consumidor tem maior alta desde março de 2010
- Feirão de imóveis da Caixa movimenta R$ 10 bilhões, alta de 19%

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.