Tamanho do texto

Dia deve ser de pouca movimentação na Bolsa de Valores de São Paulo

selo

O índice Bovespa abriu o pregão de hoje em alta e ganhava 0,17% a 70.930,29 pontos, às 10h15. A Bolsa de Valores de São Paulo deve ter um pregão de poucos negócios nesta segunda-feira com os feriados de hoje nos EUA (Dia de Colombo) - as bolsas funcionam mas os mercados de títulos e os órgãos governamentais estão fechados - e amanhã no Brasil (Nossa Senhora Aparecida). A alta sinalizada na abertura deve ser inercial, replicando o movimento visto no mercado norte-americano (o Nasdaq futuro avançava 0,24% e o S&P 500 0,13%).

Sem indicadores nos EUA hoje, o mercado financeiro continua às voltas com as incertezas sobre os rumos do câmbio. O FMI não chegou a nenhum resultado prático na reunião do final de semana em Washington e os investidores terão de esperar pelo encontro do G-20, em novembro, na Coreia do Sul. Assim, o mercado de ações tende a ser norteado ainda pela expectativa de novos estímulos para ativar a atividade econômica norte-americana. Foi isso que estimulou os ganhos das bolsas na sexta-feira.

Após o relatório de vagas de trabalho ruim de setembro nos EUA, os investidores ficaram mais convencidos da necessidade de o Federal Reserve (Fed, banco central americano) se definir pelo afrouxamento quantitativo. Por isso, muitos players esperam ver na ata da última reunião do Fomc que sai amanhã nos EUA algum sinal neste sentido.

Na sexta-feira, o Ibovespa subiu 1,27%, para 70.808 pontos, amparada pela recuperação das ações de Petrobras, do setor bancário e de consumo doméstico, e também pelo rali das bolsas nos EUA.

O rumo da Bovespa esta semana está atrelado também ao resultado dos balanços que serão apresentados nos EUA como JPMorgan (quarta-feira), Intel (amanhã), da Advanced Micro Devices (AMD) (quinta-feira), do Google (quinta), Novellus System e General Electric (GE).

O vencimento de Ibovespa futuro na quarta-feira pode ser um pretexto para puxar a alta do índice à vista, mas isso se Petrobras deixar, observa um operador. A briga pelo exercício de opções sobre ações na próxima segunda-feira, dia 18, é mais um fator adicional de volatilidade especialmente em Petrobras, que tem uma grande quantidade de posições a descoberto.

    Leia tudo sobre: bovespa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.