Tamanho do texto

Presidente do grupo lembrou que 25% do lucro de 2,1 bilhões de euros obtidos no primeiro trimestre deste ano vieram do Brasil

Agência do Santander
AE
Agência do Santander
O presidente do Grupo Santander, Emilio Botín , afirmou nesta quarta-feira que o Brasil é o pilar fundamental da estratégia de diversificação geográfica da entidade financeira no mundo. A importância do país para o banco foi transmitida por Botín durante uma reunião com o prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, segundo comunicado divulgado pelo grupo financeiro espanhol.

O presidente do Grupo Santander lembrou que 25% do lucro de 2,1 bilhões de euros obtidos pelo banco no primeiro trimestre deste ano vieram do Brasil. Segundo o comunicado, Botín visita o país a cada dois meses para analisar a evolução dos negócios. Em seu encontro com o prefeito do Rio de Janeiro, o presidente da entidade financeira disse estar comprometido com os projetos da cidade para organizar a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada de 2016.

"Queremos ajudar o Rio de Janeiro a crescer e queremos crescer com Rio", afirmou. De acordo com o comunicado, durante a visita Botín conheceu o escritório pioneiro do banco no Complexo do Alemão, onde o Santander patrocina algumas obras sociais. O banco espanhol informou que está desenvolvendo no Brasil seu programa mais importante de microcréditos em nível internacional - beneficiando estas comunidades. O Santander, que investiu US$ 27,1 bilhões nos últimos 10 anos no Brasil, é o terceiro maior banco privado do país.

Leia mais:

- Cliente tem saldo zerado na fusão Santander Real
- Santander comprou crédito consignado do Morada
- Santander pretende abrir 110 agências em 2011
- Presidente mundial do Santander é investigado por fraude fiscal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.