Tamanho do texto

SÃO PAULO - Enquanto os investidores aguardam a divulgação da primeira prévia do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos referente ao terceiro trimestre, as bolsas europeias operam em queda, reagindo também aos resultados apresentados pelas empresas de capital aberto nos últimos meses

SÃO PAULO - Enquanto os investidores aguardam a divulgação da primeira prévia do Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos referente ao terceiro trimestre, as bolsas europeias operam em queda, reagindo também aos resultados apresentados pelas empresas de capital aberto nos últimos meses. Em Londres, o índice FTSE 100 recuava, há pouco, 0,32%, para 5.659,82 pontos, enquanto em Paris, o CAC 40 tinha queda de 0,46%, aos 3.817,37 pontos. Na bolsa de Frankfurt, o índice DAX perdia 0,15%, aos 6.585,40 pontos e, em Madri, o Ibex 35 tinha 0,34% de desvalorização, aos 10.717,10 pontos. Na bolsa de Milão, o FTSE MIB baixava 0,74%, aos 21.349,90 pontos. As ações da British Airways caem mais de 2,5% nesta sessão na bolsa de Londres, apesar de a companhia aérea ter anunciado lucro nos seis meses encerrados em 30 de setembro, contabilizando o primeiro resultado positivo em dois anos. A empresa se mostrou cautelosa em relação às previsões para os próximos meses. Os papéis da gigante francesa de energia Total também operam no vermelho em Paris, apresentando queda de 1%, mesmo diante do aumento em 47% nos lucros no terceiro trimestre. Ainda impactam os negócios as ações das mineradoras, que caem diante da desvalorização das commodities. Em Londres, as ações da Xstrata têm 3% de queda, enquanto as da Rio Tinto perdem 2,79% e as da Anglo American, 1,52%. Os papéis da BHP Billiton recuam 1,34%. (Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.