Tamanho do texto

Participantes nos mercados acionários asiáticos estão de olho ainda na possibilidade de aumento no juro da China

Os mercados acionários da Ásia terminaram sem direção comum. Preocupações com a situação econômica global e com o desastre nuclear no Japão afetaram o humor de alguns investidores. O movimento das ações de empresas ligadas a matérias-primas, do setor automobilístico e do segmento financeiro também tiveram impacto nas operações de determinados mercados na região.

Em Tóquio, o Nikkei 225 subiu 0,67%, somando 9.442,95 pontos. Em Xangai, o Shanghai Composite marcou 2.744,30 pontos, alta de 0,60%. Na mesma direção, a bolsa de Taipé registrou avanço, de 0,12%, com o principal indicador acionário totalizando 9.057,10 pontos.

Em sentido contrário, o Hang Seng, de Hong Kong, teve queda de 0,35%, ficando em 22.868,67 pontos. O Kospi, de Seul, recuou 0,65%, para 2.099,71 pontos. O S&P/ASX 200, de Sydney, verificou baixa de 0,06%, se situando em 4.566,34 pontos.

Os participantes nos mercados acionários asiáticos estão de olho ainda na possibilidade de aumento no juro da China e avaliaram a manutenção da taxa de juro na Austrália.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.