Tamanho do texto

Ações da Microsoft, maior peso do Dow Jones, subiram 1,37% após a empresa ter divulgado aumento de 51% do lucro

selo

Os principais índices do mercado de ações dos EUA fecharam praticamente estáveis, mas em direções divergentes, à espera da decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, banco central americano), na quarta-feira, das eleições para o Congresso, na terça-feira, e dos dados sobre o nível de emprego no país, na próxima sexta-feira.

O Dow Jones subiu 4,54 pontos, ou 0,04%, para 11.118,49 pontos, e perdeu 0,13% na semana. A Microsoft, componente do índice, teve alta de 1,37% em suas ações após divulgar ontem que seu lucro do primeiro trimestre fiscal cresceu 51% em comparação a igual período do ano passado. A companhia registrou o melhor desempenho entre os integrantes do Dow Jones neste mês, com ganho acumulado de 9,1% em outubro.

A Chevron, que também faz parte do Dow Jones, recuou 2,17% depois de anunciar um resultado financeiro trimestral inferior à expectativa do mercado. A Merck fechou em baixa de 1,79%, após divulgar uma receita que ficou abaixo das estimativas de Wall Street.

O Nasdaq fechou praticamente estável, em alta de 0,04 ponto, a 2.507,41 pontos, mas acumulou ganho de 1,13% na semana. O S&P 500 caiu 0,52 ponto, ou 0,04%, para 1.183,26 pontos, e registrou um avanço semanal de 0,02%.

No mês, o Dow Jones, o Nasdaq e o S&P 500 acumularam alta de 3,06%, de 5,86% e de 3,68%, respectivamente. A alta dos índices em outubro foi baseada essencialmente na expectativa de que o Federal Reserve anunciará um programa de estímulo à economia dos EUA na quarta-feira.

Dados divulgados hoje mostraram que a economia dos EUA cresceu 2% no terceiro trimestre em comparação ao trimestre anterior - expansão mais acentuada do que a registrada no segundo trimestre, de 1,7%. A inflação medida pelo índice de preços para gastos com consumo pessoal (PCE) teve alta anualizada de 0,8% no terceiro trimestre, de 1,0% no segundo trimestre.

Os indicadores mostram que "não estamos crescendo num ritmo suficientemente rápido para diminuir a taxa de desemprego", disse Jeff Applegate, executivo-chefe de investimentos do Morgan Stanley Smith Barney. Segundo ele, isso só contribui para a expectativa de que o Federal Reserve anunciará uma nova rodada de afrouxamento quantitativo na semana que vem. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.