Tamanho do texto

Bolsas da Europa fecham em baixa; reunião do G20 é foco

PARIS (Reuters) - As bolsas de valores europeias fecharam em baixa nesta sexta-feira, com preocupações sobre o resultados da reunião do G20 levando os investidores a realizar lucros após as máximas em seis meses atingidas por importantes índices na véspera.

O FTSEurofirst 300, índice das principais ações da Europa, fechou em baixa de 0,36 por cento, aos 1.089 pontos, de acordo com dados preliminares. O índice Euro STOXX 50, que acompanha as blue chips, teve queda de 0,3 por cento, aos 2.873 pontos.

"Os resultados têm sido bem bons e muitas ações subiram nessa semana por isso, então as pessoas estão usando a desculpa das tensões cambiais com a reunião do G20 para cobrar lucros", disse David Thebault, chefe de operações de vendas da Global Equities, em Paris.

As ações de empresas ligadas ao consumidor, que avançaram mais cedo nesta semana, tiveram as maiores depreciações desta sexta-feira. A LVMH perdeu 1,1 por cento, e a L'Oréal cedeu 1,9 por cento.

No início da reunião de dois dias que antecede a cúpula do G20 em Seul nos dias 11 e 12 de novembro, os Estados Unidos tiveram dificuldades para conseguir apoio à proposta de estabelecer metas para lidar com desequilíbrios externos e, assim, pressionar países superavitários, como a China, a permitir a valorização de suas moedas.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em baixa de 0,29 por cento, a 5.741 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,08 por cento, para 6.605 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,25 por cento, para 3.868 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,37 por cento, para 21.536 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 avançou 0,3 por cento, para 10.924 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em alta de 0,23 por cento, para 7.930 pontos.

(Reportagem de Blaise Robinson)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.