Tamanho do texto

Índice acionário Dow Jones subiu 0,60%, Nasdaq ganhou 0,41% e S&P 500 fechou em alta de 0,83%

selo

Os principais índices do mercado de ações dos EUA fecharam em alta, refletindo a satisfação do mercado com o fato de o parlamento da Grécia ter aprovado o plano de austeridade fiscal proposto pelo governo do primeiro-ministro do país, George Papandreou.

O índice Dow Jones subiu 72,73 pontos, ou 0,60%, para 12.261,42 pontos. Entre os componentes do índice, o Bank of America avançou 2,96% depois de ter concordado em pagar US$ 8,5 bilhões para encerrar uma disputa de nove meses com 22 investidores que compraram do banco títulos atrelados a hipotecas pouco antes do colapso do mercado imobiliário dos EUA. Entre os demais índices, o Nasdaq ganhou 11,18 pontos, ou 0,41%, para 2.740,49 pontos. O S&P 500 fechou em alta de 10,74 pontos, ou 0,83%, a 1.307,41 pontos.

As ações da Monsanto subiram 5,02% depois de a companhia ter elevado a previsão de lucro para 2011 e divulgado um aumento de 77% no lucro do terceiro trimestre fiscal na comparação com igual período do ano anterior. No setor de construção, as ações da KB Home recuaram 15,44% depois de a empresa divulgar um prejuízo maior que o esperado para o segundo trimestre fiscal.

Entre as operadoras de cartões, subiram Visa (+14,92%), Mastercard (+11,31%) e American Express (+2,58%), em reação à notícia de que o Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) anunciou uma proposta mais moderada para a redução das tarifas que os bancos cobram do comércio varejista por transações com cartões de débito e de crédito.

A nova proposta estabelece uma fórmula de três partes para o cálculo da tarifa máxima: uma base de US$ 0,21, mais uma tarifa de US$ 0,01 para "prevenção a fraudes" e mais uma parcela variável, dependendo do valor da transação. Em dezembro, o Fed havia sugerido limitar as tarifas a US$ 0,12 por transação. Atualmente, a tarifa média é de US$ 0,44.

Entre as notícias do dia, o parlamento da Grécia aprovou, por 155 votos a favor e 138 contra, o plano de cortes nos gastos públicos e aumento de impostos proposto pelo governo, mesmo em meio a protestos da população. Os parlamentares também devem sancionar amanhã a legislação que regulará a implementação do plano de austeridade fiscal, cumprindo dessa forma as exigências do Fundo Monetário Internacional e da União Europeia para a liberação da quinta parcela do pacote de resgate oferecido aos gregos no ano passado.

"Foi um passo na direção certa, mas talvez passemos pela mesma situação no ano que vem", disse Frank Germack, diretor do grupo de gerenciamento de capital da Rehmann Financial. "Novas medidas de austeridade foram implementadas há um ano, quando a Grécia recebeu seu primeiro financiamento de resgate, e boa parte delas ficou aquém" das expectativas, avaliou.

Nos EUA, o índice de vendas pendentes de moradias subiu 8,2% em comparação com abril, para 88,8, registrando o ganho mensal mais forte desde novembro passado. O aumento, no entanto, ficou abaixo das expectativas de analistas, que previam avanço de 10%. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.