Tamanho do texto

Instituição deve receber cerca de US$ 8,3 bilhões por venda de participação

selo

O Bank of America (BofA) anunciou hoje que venderá cerca de metade de sua fatia no China Construction Bank (CCB) por cerca de US$ 8,3 bilhões. O acordo melhora a liquidez do banco e o ajuda a cumprir com padrões de regulação.

O Bank of America está disposto a vender a fatia para cumprir com novas requisições de capital, no âmbito das regras internacionais bancárias de Basileia 3. Às 11h25, as ações do BofA subiam 4,64%. O acordo por 13,1 bilhões de ações ordinárias deve ser fechado no terceiro quadrimestre e resultar em um lucro de US$ 3,3 bilhões.

O Bank of America manterá uma fatia de cerca de 5% no CCB. O comprador não foi revelado, porém a Dow Jones havia informado que o fundo soberano estatal de Cingapura, Temasek Holdings, estava adquirindo uma parcela dessas ações, citando pessoas ligadas ao caso.

Na quinta-feira passada, o fundo Berkshire Hathaway, de Warren Buffett, afirmou que investirá US$ 5 bilhões no BofA. As informações são da Dow Jones.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.