Tamanho do texto

SÃO PAULO - O Banco Central (BC) recolheu R$ 97,369 bilhões no mercado aberto por meio de três operações compromissadas

SÃO PAULO - O Banco Central (BC) recolheu R$ 97,369 bilhões no mercado aberto por meio de três operações compromissadas. Na operação mais longa, de 182 dias e com vencimento em 25 de abril de 2011, a autoridade monetária vendeu o equivalente a R$ 2,2 bilhões de títulos públicos federais de sua carteira, comprometendo-se a recomprá-los a 10,83% ao ano. Na segunda intervenção, o Banco Central retirou do mercado R$ 11 bilhões por 45 dias. Em 9 de dezembro, logo após a reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), o BC recomprará os papéis, remunerando as instituições a 10,72% ao ano. Na terceira e última intervenção, a autoridade monetária enxugou R$ 84,169 bilhões excedentes nos bancos, por prazo de um dia. Amanhã, portanto, o BC recompra os papéis federais dados em garantia, pagando 10,68% ao ano aos bancos repassadores. As operações compromissadas do BC tem o objetivo de manter em equilíbrio o montante de recursos disponíveis nos caixas dos bancos ante o estoque de títulos federais a ser financiado no curtíssimo prazo. Esse equilíbrio visa manter o juro de curto prazo praticado no país o mais próximo possível da meta Selic, de 10,75% ao ano. (Angela Bittencourt | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.