Tamanho do texto

Londres, 22 ago (EFE)

Londres, 22 ago (EFE).- O preço do barril do Brent para entrega em outubro fechou nesta segunda-feira em baixa de 0,29% na Intercontinental Exchange Futures, cotado a US$ 108,36, diante da perspectiva do fim do regime de Muammar Kadafi e um consequente aumento das exportações de petróleo da Líbia a médio prazo. A cotação do Brent voltou a viver um dia de volatilidade ao alcançar um valor máximo de US$ 108,67 e um mínimo de US$ 105,15. Durante o pregão, o preço do petróleo chegou a cair 3% em Londres diante da possibilidade do fim do conflito na Líbia, que há seis meses restringiu as exportações do petróleo do país. No entanto, com o passar das horas, a queda iminente do regime do ditador líbio já não parecia tão certa e as baixas do preço do petróleo foram se reduzindo, enquanto os analistas alertavam que a recuperação da produção do país levará alguns meses. Por volta de 85% do petróleo líbio era exportado à Europa até que o conflito armado limitou a produção de 1,6 milhão de barris diários a até aproximadamente 53 mil barris, segundo a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). Quando a revolta explodiu no país, em fevereiro, o preço do Brent estava em US$ 103,78 e em abril chegou ao máximo de US$ 126,65. EFE psh/mm

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.