Tamanho do texto

Cotação foi influenciada por decisão da Agência Internacional de Energia de liberar 60 milhões de barris de petróleo

O preço do barril do Brent para entrega em julho fechou nesta quinta-feira em baixa de 6,08% na Bolsa Intercontinental de Futuros de Londres (ICE Futures), cotado a US$ 107,26, após a Agência Internacional de Energia (AIE) anunciar que tirará 60 milhões de barris de petróleo de suas reservas de emergência para compensar a ausência da produção líbia.

A AIE indicou que tirará no "próximo mês" 60 milhões de barris de petróleo de suas reservas de emergência para compensar a ausência da produção líbia e enfrentar uma tensão no mercado que ameaça a frágil recuperação da economia mundial.

O diretor da agência, Nobuo Tanaka, disse que os 28 países-membros apresentarão em conjunto 2 milhões de barris diários durante 30 dias. A agência justificou esta medida excepcional porque a falta da produção líbia acrescentou a tensão no mercado petroleiro, um efeito que ser tornou cada vez mais pronunciado conforme se aproximava o segundo semestre, quando se aumenta a demanda das refinarias no Hemisfério Norte.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.