Tamanho do texto

Papéis devem oferecer aos investidores uma taxa de retorno de 9,25%

selo

O Banco do Brasil lançou US$ 1 bilhão em bônus perpétuos e deve oferecer aos investidores uma taxa de retorno de 9,25%, de acordo com uma fonte próxima à operação ouvida pela Dow Jones. Originalmente, o banco pretendia ofertar US$ 500 milhões nesses papéis, mas a demanda pelos títulos atingiu US$ 5 bilhões e a instituição decidiu aumentar o volume da emissão. Os coordenadores da operação são o BNP Paribas, o Citigroup, o HSBC, o Standard Chartered e o BB Securities. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.