Tamanho do texto

Moeda valorizou-se por expectativa com EUA e elições

O dólar subiu quase 2% e encostou em R$ 2,43 nesta quinta-feira, turbinado por expectativas sobre o futuro das políticas monetárias dos EUA e da Europa e por preocupações sobre as eleições no Brasil.

Leia mais:  "Se você ainda é pobre aos 35, a culpa é sua", diz Jack Ma, do Alibaba

Investidores compravam a moeda norte-americana em busca de proteção cambial antes da divulgação de novas pesquisas eleitorais nesta semana. Além disso, muitos testavam a tolerância do Banco Central à recente pressão no câmbio, que alimenta ainda mais a inflação.

O dólar avançou 1,95%, a R$ 2,4299 na venda, após bater R$ 2,4312 na máxima do dia, maior nível intradiário desde 13 de fevereiro. A alta desta sessão foi a maior desde 5 de novembro de 2013, quando a divisa avançou 1,98%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.