Tamanho do texto

Os dados para o ano fechado mostraram que os embarques para o exterior caíram 0,2% em 2013, pressionados pela forte queda da demanda da zona do ouro pelo produtos alemães

Reuters

As exportações da Alemanha caíram inesperadamente em dezembro sobre novembro após quatro meses seguidos de crescimento, um sinal de que a melhora do cenário global ainda não significa que a maior economia da Europa pode contar com a demanda externa.

Em dezembro, as exportações semanalmente ajustadas recuaram 0,9% ante expectativa de alta de 0,8%
Getty Images
Em dezembro, as exportações semanalmente ajustadas recuaram 0,9% ante expectativa de alta de 0,8%

Os dados da Agência Federal de Estatísticas mostraram ainda que o superávit comercial da Alemanha atingiu novo recorde no ano passado, já que as importações caíram com mais força que as exportações.

Em dezembro, as exportações semanalmente ajustadas recuaram 0,9% ante expectativa de alta de 0,8%. A leitura de novembro foi revisada para cima, para uma alta de 0,7%.

Os dados para o ano fechado mostraram que os embarques para o exterior caíram 0,2% em 2013, pressionados pela forte queda da demanda da zona do ouro pelo produtos alemães. Essa foi a primeira queda anual nas exportações desde 2009.

As importações também caíram inesperadamente em dezembro, 0,6%, ante expectativa de alta de 1,2%. O superávit comercial ajustado semanalmente diminuiu para € 18,5 bilhões ante revisados € 18,9 bilhões em novembro.

No ano, as importações caíram 1,2%, resultando em um aumento do superávit comercial para € 198,9 bilhões o maior já registrado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas