Tamanho do texto

Aquisição será de até 76.008.403 units, representativas de 4.180.462.165 ordinárias e 3.800.420.150 preferenciais

Agência Estado

O total corresponde a até 2% do capital social do Santander, segundo posição em 30 de junho
Getty Images
O total corresponde a até 2% do capital social do Santander, segundo posição em 30 de junho

O Conselho de Administração do Santander aprovou um novo programa de recompra de units ou American Depositary Receipts (ADRs) do banco, para manutenção em tesouraria ou posterior alienação.

A aquisição será de até 76.008.403 units, representativas de 4.180.462.165 ordinárias e 3.800.420.150 preferenciais ou de ADRs.

-Veja também: Santander Brasil realiza mudança na estrutura administrativa

O total corresponde a até 2% do capital social do Santander, de acordo com a posição em 30 de junho, quando havia 50.850.284.508 ações ordinárias e 47.732.182.584 ações preferenciais em circulação.

Segundo fato relevante enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta segunda-feira (29), a recompra pretende maximizar a geração de valor para os acionistas; viabilizar o pagamento de administradores, empregados de nível gerencial e outros funcionários, nos termos dos Planos de Incentivo de Longo Prazo; e viabilizar o gerenciamento de risco decorrente da prestação dos serviços de formador de mercado no Brasil de certos fundos de índice.

O prazo é de um ano, contados a partir da data de encerramento do atual programa em vigência, que termina em 24 de agosto.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.