Tamanho do texto

Mudança é guiada pela situação dos países emergentes, que se deteriorou recentemente

Reuters

Lagarde: expectativa pode ficar abaixo de 3,3%
AP
Lagarde: expectativa pode ficar abaixo de 3,3%

O Fundo Monetário Internacional (FMI) pode cortar esta semana sua previsão de crescimento mundial por causa da situação nos países emergentes, disse a chefe do FMI, Christine Lagarde, em conferência neste domingo (7).

"Tínhamos uma previsão de crescimento de cerca de 3,3%", disse ela, referindo-se a previsão do fundo para este ano.

Leia também: FMI propõe que Brasil crie comitê para monitorar riscos 

"Mas temo que, considerando o que estamos vendo agora nos países emergentes, em particular - e não nos países em desenvolvimento e nos países de baixa renda, mas nos países emergentes -, temo que possamos estar um pouco abaixo", disse em uma conferência de economistas na cidade do sul francês de Aix-en-Provence.

Lagarde disse que não daria números específicos porque o fundo deverá publicar oficialmente os dados nesta semana.

O FMI reduziu sua previsão de crescimento global para 2013 para 3,3% em abril, para baixo de sua projeção janeiro de 3,5%.

(Reportagem de Michel Rose e Ingrid Melander)

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.