Tamanho do texto

Contrato mais negociado, com entrega para agosto, perdeu US$ 14,90 (1,2%)

Agência Estado

O contrato mais negociado fechou a US$ 1.277,10 a onça-troy, o menor nível desde setembro de 2010
Getty Images
O contrato mais negociado fechou a US$ 1.277,10 a onça-troy, o menor nível desde setembro de 2010

Os contratos futuros de ouro negociados na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), fecharam nesta segunda-feira (24) no menor nível em mais de dois anos e meio, pressionados pelas preocupações sobre a escassez de liquidez no mercado interbancário da China.

-Veja também: ouro e petróleo fecham em alta, mas encerram semana em queda

O contrato de ouro mais negociado, com entrega para agosto, perdeu US$ 14,90 (1,2%), fechando a US$ 1.277,10 a onça-troy, o menor nível desde setembro de 2010.

Notícias veiculadas pela imprensa estatal chinesa no fim de semana sinalizaram que a crise de liquidez no país deve persistir.

Um comentário publicado pela agência estatal de notícias Xinhua sugeriu que o governo não tomará qualquer ação em breve.

Além disso, o Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) não fez nenhuma referência direta ao recente aumento nos custos de empréstimos para as instituições financeiras, ao mesmo tempo em que alegou que manterá uma política monetária prudente.

Além disso, o Goldman Sachs cortou a previsão de crescimento no país em 2013 para 7,4%, de 7,8% projetado anteriormente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.