Tamanho do texto

Fonte ligada a uma das instituições que coordenavam a operação confirmou a desistência do conglomerado de abrir seu capital na Bolsa

Cimento Votorantim
Divulgação/Votorantim
Cimento Votorantim

A Votorantim Cimentos desistiu de abrir seu capital no mercado de ações brasileiro, confirmou ao iG uma fonte ligada a um dos bancos que coordenavam a operação, nesta terça-feira (18). O início da precificação das ações estava previsto para amanhã (19).

Leia mais: IPOs dobram em 2013, mas confiança na Bolsa continua incerta

Fundado em 1918, o conglomerado do empresário José Ermírio de Moraes esperava movimentar até R$ 10,3 bilhões com seu IPO (oferta inicial de ações).

Esta seria a segunda maior captação financeira do ano, atrás apenas da BB Seguridade, que movimentou R$ 11,4 bilhões, maior quantia desde 2009. Envolvido na operação, o banco BTG Pactual informou que não comentaria a desistência da empresa em abrir seu capital.

Para o sócio-diretor da consultoria Mesa Corporate, Luiz Marcatti, o fato de o índice Ibovespa ter caído substancialmente nos últimos 10 dias, chegando ao nível dos 49 mil pontos, pode ter provocado a desistência da Votorantim Cimentos em fazer seu IPO na Bolsa de Valores. "O momento sinaliza para uma redução do apetite dos investidores, tornando bem desfavorável uma abertura de capital", analisa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.