Tamanho do texto

Às 14h53 desta quinta-feira (13), o Ibovespa registrou alta de 1,72%, aos 50.034 pontos

Agência Estado

Em Nova York, o Nasdaq subia 0,66%, S&P tinha alta de 0,70% e o Dow Jones, de 0,60%
REUTERS/Nacho Doce
Em Nova York, o Nasdaq subia 0,66%, S&P tinha alta de 0,70% e o Dow Jones, de 0,60%

A Bovespa acentuou levemente o movimento de alta no fim da manhã desta quinta-feira (13), mas ainda segue sem fôlego para superar o nível dos 50 mil pontos.

A sustentação vem da melhora do humor em Wall Street após os dados bons de vendas no varejo americano e pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos, descolando do pessimismo trazido pela queda das ações da OGX e o clima de aversão a risco observado no início do dia.

Às 14h53, o Ibovespa subia 1,72%, aos 50.034 pontos. Em Nova York,o Nasdaq subia 0,66%, o S&P tinha alta de 0,70% e o Dow Jones, de 0,60%.

Nos EUA, as vendas no varejo subiram 0,6% em maio ante abril, superando previsão de alta de 0,4%. Já os pedidos de auxílio-desemprego recuaram para 334 mil na semana passada, o menor nível em cinco semanas, e a expectativa era de que o número ficasse em 350 mil.

    Leia tudo sobre: Bovespa
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.