Tamanho do texto

Em último dia de negociação de 2012, principais bolsas da Europa registraram queda, com destaque para Paris e Madri

Reuters

LONDRES - As ações europeias fecharam a última sessão completa de 2012 em baixa, uma vez que as expectativas em torno de um acordo para impedir que os Estados Unidos caiam em um "abismo fiscal" deixou índices sobrecomprados vulneráveis à realização de lucros.

Segundo dados preliminares, o índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações europeias, fechou com queda de 0,58%, a 1.131 pontos, enquanto o índice Euro STOXX 50 de blue chips caiu 1,24%.

Com as negociações nos mercados de Áustria, Dinamarca, Finlândia, Alemanha, Itália, Noruega, Suécia e Suíça encerradas para 2012, e um acordo para evitar aumento de impostos e cortes de gastos nos EUA ainda parecendo distante, esta sexta-feira foi a última chance para muitos investidores realizarem lucros sobre os ganhos vistos nos últimos seis meses.

"Não é surpresa que os políticos estejam deixando para o final. Mas embora haja incerteza, a ação inteligente é reduzir o risco", disse um operador de Londres.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em queda de 0,49%, a 5.925 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,57%, para 7.612 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 recuou 1,47%, para 3.620 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,82%, para 16.273 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 recuou 1,81%, para 8.131 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em queda de 0,79%, para 5.659 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.