Tamanho do texto

A previsão média de cinco analistas consultados pela Reuters apontava para lucro, em média, de R$ 713 milhões no período.

Reuters

Resultados robustos nas áreas de banco de investimento, empréstimos corporativos e na gestão de recursos de terceiros levaram o BTG Pactual a superar as previsões de lucro no terceiro trimestre.

A instituição financeira liderada pelo banqueiro André Esteves anunciou nesta terça-feira que teve lucro líquido R$ 793 milhões  de julho a setembro, mais de três vezes acima do lucro de R$ 231 milhões apurado um ano antes.

A previsão média de cinco analistas consultados pela Reuters apontava para lucro, em média, de R$ 713 milhões no período.

As receitas totais do grupo deram um salto de 150% na comparação anual, puxadas pelo desempenho das área de banco de investimento (+59%), empréstimos corporativos (+134%), asset management (+59%) e gestão de riquezas (+58%).

(Reportagem de Aluísio Alves)


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.