Tamanho do texto

Contrato do petróleo Brent para novembro recuava 1,00% na plataforma ICE, em Londres, para US$ 110,90 o barril; contrato do petróleo caía 1,67%, para US$ 88,76 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex)

Os contratos futuros do petróleo operam em queda, afetados pelo fortalecimento do dólar em relação ao euro, o que torna a commodity, que é negociada na moeda norte-americana, mais cara para detentores de outras divisas. As preocupações sobre a demanda decorrentes de crise da dívida da Europa também estão pesando sobre os preços, segundo analistas.

Às 7h30 (de Brasília), o contrato do petróleo Brent para novembro recuava 1,00% na plataforma ICE, em Londres, para US$ 110,90 o barril. O contrato do petróleo caía 1,67%, para US$ 88,76 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex).

"Com os EUA sendo o único ponto brilhante economicamente no momento, parece que não há muita tendência de queda para o dólar", disse Ole Hansen, diretor de estratégia de commodities do Saxo Bank. O euro atingiu uma mínima intraday de US$ 1,2938, após ser cotado na máxima de US$ 1,3074 na sexta-feira (5).

A reunião dos ministros das Finanças da zona do euro (Eurogrupo), que será realizada nesta segunda-feira, em Luxemburgo, deverá considerar a possibilidade de desembolsar mais fundos de resgate para a Grécia. Também estará em debate a forma de implementar o Mecanismo Europeu de Estabilidade (ESM, em inglês), novo fundo da zona do euro para economias em dificuldades.

Os traders também observarão a visita da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, a Atenas, em busca de pistas sobre se a Grécia receberá mais linhas de crédito. As informações são da Dow Jones.