Tamanho do texto

Executivos dos dois bancos acreditam que mudanças na economia, com juros mais baixos, vão favorecer o Brasil no ano que vem

As perspectivas para o mercado de capitais brasileiro em 2013 são melhores do que este ano diante das mudanças da economia brasileira, com juros mais baixos. A avaliação é de Jean-Marc Etlin, vice-presidente executivo do Itaú BBA, e de André Esteves, CEO do BTG Pactual, que participaram nesta quarta-feira em São Paulo de seminário realizado na BM&FBovespa.

Etlin reforçou a necessidade de o país ser palco de ofertas de ações com tíquete menor, lembrando que o mercado de capitais brasileiro é bastante jovem. "O mercado de capitais brasileiro passa por um momento interessante em meio à discussão do custo Brasil, da competitividade da indústria local e de uma mudança importante do patamar dos juros. A perspectiva é positiva", disse.

Já André Esteves destacou que o potencial do setor de infraestrutura no Brasil é benéfico para o mercado de capitais local. "O Brasil tem grandes condições de crescer. Se o país conseguir reduzir o custo dos negócios nos próximos cinco anos, a economia vai mudar de direção", avaliou. Segundo ele, este cenário tem potencial de alavancar o mercado de capitais brasileiro. No entanto, Esteves destacou a necessidade de o governo dar continuidade ao processo de redução da carga tributária.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.