Tamanho do texto

Alta de 0,96% eleva ações a US$ 761,78, o que representa avaliação em bolsa de US$ 248,99 bilhões, valor ainda distante daquele da Apple, que soma US$ 617 bilhões

EFE

O Google somou nesta segunda-feira uma nova marca a seu histórico ao superar pela primeira vez na história sua rival Microsoft em termos de valor de mercado e transformar-se na segunda empresa de tecnologia mais valiosa do mundo.

O buscador fechou o dia no índice tecnológico Nasdaq com uma ascensão de 0,96% e suas ações terminaram em US$ 761,78, o que representa uma avaliação em bolsa de US$ 248,990 bilhões.

Por sua parte, o gigante da internet encerrou o pregão nesse mesmo mercado com uma queda de 0,91% e seus títulos em US$ 29,49, com o que a empresa está avaliada em US$ 247,310 bilhões. Trata-se da primeira vez que o gigante com sede em Mountain View (Califórnia) ultrapassa seu rival de Redmond (estado de Washington), o que lhe permite se transformar também na segunda empresa tecnológica mais valiosa do mundo.

O valor de mercado de ambas empresas está ainda muito longe dos US$ 617 bilhões da Apple, a empresa com maior valor em bolsa do mundo. O valor de mercado de uma companhia é seu valor na bolsa (a cotação de cada ação multiplicada pelo número total de ações) e, portanto, reflete em quanto o mercado avalia essa companhia, com independência do patrimônio real que tenha.