Tamanho do texto

Maior banco de varejo da Itália confirmou planos para unir ou fechar quase 20% de suas agências no país e cortar custos

Reuters

O Intesa Sanpaolo, maior banco de varejo da Itália, confirmou planos para unir ou fechar quase 20% de suas agências no país para cortar custos, disseram sindicatos em comunicado conjunto nesta sexta-feira.

Sindicatos afirmaram que executivos do Intesa confirmaram a representantes sindicais os planos para fechar mil agências, em vez das 400 que o plano de negócios de 2011-13 previa.

Uma fonte sindical disse à Reuters que mil postos de trabalho ficariam em risco com o fechamento das agências e uma grande reestruturação no banco.

O banco, com 5,6 mil filiais na Itália, não estava imediatamente disponível para comentar o assunto.