Tamanho do texto

Temores sobre os custos de empréstimos de Espanha e Itália deixaram em segundo plano o alívio inicial com o resultado das eleições na Grécia

Os principais indicadores continentais da Europa fecharam praticamente estáveis ou em queda nesta segunda-feira. Temores sobre os custos de empréstimos de Espanha e Itália deixaram em segundo plano o alívio inicial com o resultado das eleições na Grécia.

Segundo números preliminares, o índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações europeias, fechou praticamente estável, com leve alta de 0,01%, para 993 pontos. Já o indicador de blue-chips da zona do euro, o Euro STOXX 50, caiu 1,2%, para 2.154 pontos.

LeiaBovespa opera em baixa nesta segunda-feira

Enquanto o principal índice da bolsa de Atenas, o ATG, avançou 3,6%, outros indicadores nacionais da zona do euro sofreram abalos, como o italiano FTSE MIB, que caiu mais de 2%, e o espanhol IBEX, que recuou quase 3%.

Os papéis do setor bancário foram os que acumularam maiores perdas nesta segunda-feira, com os do Bankia desabando 9%, os do UniCredit em baixa de 4,3% e os do Banco Santander em queda de 4,6%.

MaisEspanha e Itália continuam sob pressão mesmo após eleição grega

"Tem sido 'compre no boato, venda no fato' quanto às eleições gregas, com as pessoas rapidamente liquidando os ganhos da semana passada", afirmou o gerente de fundos da Meeschaert Wealth Management em Paris, Frederic Rozier.

TambémDólar avança por preocupação com Espanha e Grécia

"Estamos de volta às preocupações com a Espanha e um descrédito com a zona do euro em geral. A questão que ocupa a cabeça de todos é: a que nível os yields (rendimentos) dos títulos espanhóis se tornarão insustentáveis?".

Em LONDRES, o índice Financial Times subiu 0,22%, a 5.491 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX ganhou 0,30%, para 6.248 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 caiu 0,69%, a 3.066 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib desvalorizou-se 2,85%, para 13.009 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 teve queda de 2,96%, a 6.519 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 ganhou 0,27%, para 4.575 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.