Tamanho do texto

Bolsa americana seguiu o clima de incertezas com a crise espanhola; Nasdaq caiu 1,7%

O índice Dow Jones Industrial, o principal de Wall Street, fechou em baixa de 1,14% nesta segunda-feira, em boa parte devido às incertezas sobre o resgate europeu aos bancos espanhóis.

Esse indicador, que reúne 30 das maiores empresas americanas, perdeu 142,97 pontos, para 12.411,23. Já o índice seletivo S&P 500 caiu 1,26% e fechou aos 1.308,93 pontos, e o indicador da bolsa eletrônica, a Nasdaq, recuou 1,7%, para 2.809,73.

A alta com a qual o pregão nova-iorquino abriu hoje por causa do acordo dos ministros de Finanças da zona do euro para conceder à Espanha um empréstimo de até 100 bilhões de euros para recapitalizar seus bancos se diluíram rapidamente devido à falta de concretização do plano.

O mau-humor dos investidores, provocado também pelas preocupações com o pleito do próximo domingo na Grécia, se intensificou depois da conferência anual de desenvolvedores de aplicativos da Apple, companhia cujos papéis terminaram em baixa de 1,58%. Apenas quatro dos 30 componentes do Dow Jones fecharam nesta segunda-feira em alta, entre eles a operadora de telefonia Verizon (0,28%) e Boeing (0,24%).

Na parte baixa do painel se destacaram Bank of America (-3,7%), Hewlett-Packard (-3,46%) e Caterpillar (-2,75%). Em outros mercados, o ouro subiu a US$ 1.596,8 a onça e a rentabilidade da dívida pública americana a dez anos retrocedia para 1,59%. EFE tme/id

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.