Tamanho do texto

Bolsa de Tóquio sobe 0,5%, com cautela ante reunião do G-20

selo

Os mercados da Ásia apresentaram números mistos nesta sexta-feira. Notícias relacionadas à China derrubaram parte das bolsas, enquanto outros mercados foram influenciados pela alta em Wall Street.

Em consolidação, a Bolsa de Hong Kong apresentou queda moderadas, com as empresas relacionadas à China liderando o declínio. O índice Hang Seng caiu 0,6% e terminou aos 23.517,54 pontos - na semana, o índice acumula queda de 1%.

A realização de lucros nos bancos e nas petrolíferas fez a Bolsa de Xangai, na China, cair pela segunda sessão seguida. O índice Xangai Composto baixou 0,3% e terminou aos 2.975,04 pontos. Já o índice Shenzhen Composto ganhou 1,1% e encerrou aos 1.262,16 pontos.

 O yuan se desvalorizou em relação ao dólar, após Pequim elevar a taxa de paridade central dólar-yuan (de 6,6695 yuans para 6,6759 yuans) num sinal de que quer manter estável o câmbio, depois da forte valorização da moeda chinesa desde o início de setembro. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,6590 yuans, de 6,6504 yuans do fechamento de quinta-feira.

Em Taiwan, a Bolsa de Taipé fechou em alta, com os investidores na expectativa dos balanços corporativos dos EUA que serão divulgados na semana que vem. O índice Taiwan Weighted subiu 0,5% e fechou aos 8.168,06 pontos.

A Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, encerrou em alta, com intensa compra por parte de investidores estrangeiros em ações de tecnologia e construção naval. O movimento ajudou a bolsa a permanecer positiva pelo terceiro dia consecutivo. O índice Kospi avançou 1,2% e encerrou aos 1.897,31 pontos.

Na Austrália, a Bolsa de Sydney fechou com alta moderada, estimulada pelos ganhos em Wall Street. O índice S&P/ASX 200 avançou 0,6% e terminou aos 4.648,2 pontos.

Nas Filipinas, o índice PSE da Bolsa de Manila terminou o pregão com alta de 0,9%, fechando aos 4.286,87 pontos.

A Bolsa de Cingapura teve alta, em linha com outros mercados da Ásia, e seguindo o forte fechamento de Wall Street uma vez que os ganhos das corporações americanas impulsionou a confiança do mercado; no entanto, os investidores continuam de lado à espera do encontro do G-20 na Coreia do Sul este fim de semana, esperando sinais dos formuladores de política econômica sobre o estado global da economia. O índice Straits Times subiu 0,3% e fechou aos 3.173,57 pontos.

O índice composto da Bolsa de Jacarta, na Indonésia, ganhou 0,3% e fechou aos 3.597,74 pontos, seguindo os ganhos em muitos mercados asiático, e com a valorização da rupia dando suporte.

O índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, avançou 0,4% e fechou aos 992,24 pontos. O mercado está ainda cauteloso em meio a crescentes preocupações que o ministro das Finanças ainda está considerando a adoção de mais medidas para domar a alta do bath.

O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, ficou estável e fechou aos 1.490,48 pontos, com os ganhos sendo interrompidos à tarde com realizações de lucros. As informações são da Dow Jones .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.