Tamanho do texto

SÃO PAULO - A Petrobras teve no ano passado o segundo maior lucro entre as companhias de capital aberto listadas na América Latina e Estados Unidos, de acordo com levantamento da consultoria Economatica. Com base na cotação do dólar (Ptax) do dia 31 de dezembro, o lucro da estatal somou US$ 16,645 bilhões no exercício, resultado que, nas regiões analisadas, só perde para o ganho auferido pela também petroleira Exxon Mobil, cujo lucro atingiu US$ 19,28 bilhões. Na sequência, aparecem a Microsoft, com ganho de US$ 16,258 bilhões, e a varejista Walmart (US$ 13,495 bilhões), seguidas pela IBM (US$ 13,425 bilhões). O lucro da Petrobras ficou 13,7% abaixo do ganho da líder Exxon, no menor percentual de diferença entre as empresas na série histórica dessa comparação, iniciada pela Economatica em 1994. Em 2008, a companhia brasileira havia ficado em quinto lugar no ranking das mais lucrativas, atrás das americanas Exxon Mobil, Chevron Texaco, General Electric e Microsoft. Em reais, a Petrobras reportou na sexta-feira lucro de R$ 28,982 bilhões no ano passado, uma queda de 12%. Só no quarto trimestre, o lucro líquido da estatal foi de R$ 8,129 bilhões, o que representou um aumento de 31% sobre os R$ 6,189 bilhões registrados no mesmo trimestre de 2008.

(Eduardo Laguna | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.