Tamanho do texto

O paulistano já gasta 13,6% a mais para comprar leite do que gastava no fim do ano passado, mostra o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), medido pelo IBGE. A diferença é bem perceptível para o consumidor já que o produto, por ser um item básico da alimentação, consome 1,057% do orçamento familiar.

O paulistano já gasta 13,6% a mais para comprar leite do que gastava no fim do ano passado, mostra o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), medido pelo IBGE. A diferença é bem perceptível para o consumidor já que o produto, por ser um item básico da alimentação, consome 1,057% do orçamento familiar. Com esse comportamento em 2010, o leite foi um dos principais vilões da inflação na região metropolitana de São Paulo no primeiro trimestre do ano. Ele registrou alta bastante superior ao índice geral do período (de 2,09%). O aumento não era totalmente inesperado. O primeiro semestre de cada ano é mesmo a época em que o preço do leite costuma subir. É a entressafra do produto. Nesse período, as pastagens perdem qualidade, o que faz as vacas produzirem menos leite, explica a coordenadora do IPCA, Irene Machado. "O problema é que este ano a entressafra começou mais cedo e parece ser mais intensa, em parte por culpa das excessivas chuvas de janeiro e fevereiro", afirma Irene. Por conta disso, somente em março, o leite subiu 6,96% na região metropolitana de São Paulo. Para piorar o quadro, além da queda de produção, ainda houve no último ano um aumento da demanda pelo produto - ocasionada pelo crescimento da renda da população, que passou a consumir alimentos em maior quantidade. "Essa é a equação perfeita para alta de preços", diz Irene. E a previsão é que o leite ainda ficará mais caro do que já está. Tudo porque a entressafra costuma terminar só no fim do primeiro semestre, afirma Irene. O comportamento do preço do leite em 2010 tem se mostrado bem diferente do de 2009. No ano passado, o produção foi maior que a demanda, o que fez o produto encerrar o ano com queda de 3,45% nos preços. "Isso também pode ser um fator prejudicial aos consumidores, já que neste ano os produtores também podem querer recuperar as perdas nas margens de lucro de 2009", declara Cornélia Porto, coordenadora do Índice de Custo de Vida medido pelo Dieese. O preço do leite, entretanto, varia de acordo com a região. A explicação para isso estaria no fato de que em cada localidade há diferentes marcas do produto à disposição do consumidor.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.