Tamanho do texto

Acordo entre 13 países da Ásia deve ampliar volume de fundos em moedas regionais para US$ 120 bilhões

selo

O Japão e outros 12 países asiáticos devem dobrar o volume de fundos disponíveis através de um acordo de swap de moedas regionais no valor de US$ 120 bilhões, de acordo com fontes ouvidas pelo jornal The Nikkei.

Além do Japão, a China, Coreia do Sul e a Associação dos Países do Sudeste da ¿?sia (Asean, da sigla em inglês) com 10 membros farão parte do acordo.

O acordo de swap de moedas regionais, conhecido como Iniciativa Chiang Mai (CMI, da sigla em inglês) foi elaborado para prevenir crises financeiras em países com relativamente poucas reservas estrangeiras.

Atualmente, até 20% dos US$ 120 bilhões em fundos disponíveis podem ser usados sem vínculos com o Fundo Monetário Internacional (FMI). O Japão e outros 12 países da região devem elevar este porcentual significativamente para prevenir que a crise da dívida da Europa chegue até a Ásia.

Os países devem atingir um acordo mais amplo em uma reunião de autoridades financeiras a ser realizada no Camboja no final do mês. O acordo deve ser finalizado em maio. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.