Tamanho do texto

Copenhague, 23 abr (EFE).- As autoridades da Islândia fecharam os aeroportos do país ao tráfego aéreo por conta da nuvem de pó procedente do vulcão Eyjafjalla, após uma mudança na direção do vento.

Copenhague, 23 abr (EFE).- As autoridades da Islândia fecharam os aeroportos do país ao tráfego aéreo por conta da nuvem de pó procedente do vulcão Eyjafjalla, após uma mudança na direção do vento. A Agência Islandesa de Segurança Aérea anunciou o fechamento do aeroporto internacional de Keflavik e do pequeno aeroporto de Reykiavik. É a primeira vez que a Islândia fecha seus aeroportos ao tráfego aéreo desde que a erupção do vulcão Eyjafjalla. Quando aconteceu o fenômeno, os ventos se dirigiam ao sudeste da ilha, o que fez com que a nuvem de pó vulcânico se movimentasse em direção à Europa, causando o colapso do tráfego aéreo em grande parte do continente durante cerca de uma semana. O vento se dirige atualmente rumo ao ocidente, e a nuvem de pó se situou em cima da capital da Islândia. As autoridades aéreas calculam que o fechamento do espaço durará pelo menos até o final do dia na sexta-feira. EFE jcb-alc/fm
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.