Tamanho do texto

Valor é superior ao observado no mesmo mês do ano passado, quando o IED totalizava US$ 2,635 bilhões

selo

O Investimento Estrangeiro Direto (IED) somou US$ 5,971 bilhões em julho, segundo dados divulgados hoje pelo Banco Central (BC). O valor é superior ao observado no mesmo mês do ano passado, quando o IED totalizava US$ 2,635 bilhões.

O resultado também superou o teto das estimativas de 16 instituições ouvidas pela Agência Estado, que estimavam fluxo positivo de US$ 3,40 bilhões a US$ 4,80 bilhões, com mediana em US$ 4,0 bilhões.

De acordo com o BC, de janeiro a julho de 2011, o IED acumula US$ 38,448 bilhões, bem acima dos US$ 14,731 bilhões no mesmo período de 2010.

Em 12 meses encerrados em julho, o IED atingiu US$ 72,155 bilhões, o equivalente a 3,17% do Produto Interno Bruto (PIB). Em 12 meses até junho, o IED somava US$ 68,819 bilhões, ou 3,06% do PIB.