Tamanho do texto

Nova York, 6 mai (EFE).- Em meio a uma forte tendência de baixa em Wall Street, o ambiente de inquietação financeira relativo à crise na Grécia provocava uma queda de 9,12% no índice Dow Jones Industrial, de referência na Bolsa de Nova York.

Nova York, 6 mai (EFE).- Em meio a uma forte tendência de baixa em Wall Street, o ambiente de inquietação financeira relativo à crise na Grécia provocava uma queda de 9,12% no índice Dow Jones Industrial, de referência na Bolsa de Nova York. Faltando pouco mais de uma hora para o fechamento do pregão, e enquanto a TV mostrava imagens ao vivo dos distúrbios nas ruas gregas, o indicador da bolsa chegou a perder 997,21 pontos, para 9.869,62, embora minutos depois tenha suavizado a queda. Ao mesmo tempo, o S&P 500 perdia 8,58% e o índice da Nasdaq recuava 9,01%. Variações acentuadas assim não eram vistas em Wall Street desde o final de 2008, quando os mercados ainda viviam o impacto da quebra do Lehman Brothers e da falta de estabilidade do sistema financeiro e das entidades bancárias americanas. Os papéis das 30 empresas incluídas no Dow estavam em território negativo nesse momento, e os setores financeiro, de energia e industrial registravam as maiores quedas. EFE vm/bba/rr

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.