Tamanho do texto

SÃO PAULO - Os indicadores de inflação continuam centrando atenção na agenda de indicadores

. Por aqui, o dia começa com o Índice Geral de Preços - 10 (IGP-10) de agosto, que deve mostrar alta ao redor de 0,10%, após deflação de 0,12%. Nos Estados Unidos, sai o índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês). Está prevista inflação de 0,2% em julho, após deflação de 0,2%. Para o núcleo do indicador, que tira alimentos e energia da conta, o avanço estimado é de 0,3%. Ontem, saiu o índice de preços ao produtor (PPI, na sigla em inglês), que subiu 0,2% no mês passado, após queda de 0,4% em junho. O núcleo do indicador surpreendeu para cima ao avançar 0,4%, o oitavo mês de alta. Ainda na agenda americana os novos pedidos por seguro-desemprego, o índice de indicadores antecedentes, a pesquisa de atividade do Federal Reserve (Fed) da Filadélfia e a venda de imóveis usados no mês de julho. A semana acaba com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo-15 (IPCA-15) de agosto. (Eduardo Campos | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.