Tamanho do texto

Duas turbinas ligadas nesta sexta-feira podem gerar 71,6 megawatts cada, uma capacidade de suprir 350 mil residências

Detalhe da margem direita, onde estão as turbinas que foram ligadas
Divulgação
Detalhe da margem direita, onde estão as turbinas que foram ligadas
A Hidrelétrica de Santo Antônio , que será a sexta maior do País e fica em Rondônia, entrou em operação comercial nessa sexta-feira (30). Foram ligadas duas turbinas do tipo bulbo na margem direita do Rio Madeira, que têm capacidade de gerar 71,6 megawatts cada, o que significa uma produção inicial que pode suprir a demanda de 350 mil residências.

- Veja no infográfico como funciona a Hidrelétrica de Santo Antônio

O início da produção acontece nove meses antes do previsto no cronograma inicial, e três meses após os primeiros testes. Até o final do ano, a usina terá 12 turbinas em operação, afirma a concessionária responsável pela obra, formada por Eletrobras Furnas (39%), Odebrecht Energia (18,6%), Andrade Gutierrez (12,4%), Cemig (10%) e o Caixa FIP Amazônia Energia (20%).

Leia também: Governo diz que greves em obras de usinas não preocupam

Nesta primeira fase, a energia será transmitida por meio de uma Subestação Provisória que garantirá a conexão da usina ao Sistema Elétrico Regional e, por consequência, ao Sistema Interligado Nacional (SIN). A partir de janeiro de 2016, com todas as turbinas em operação, a usina deverá gerar energia equivalente para abastecer mais de 40 milhões de pessoas no País.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.