Tamanho do texto

Brasília, 4 - O governo decidiu cancelar o leilão do boi pirata que estava marcado para amanhã, informou hoje a assessoria de imprensa do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). O governo decidiu suspender a venda até que a Justiça se posicione sobre um recurso, apresentado na semana passada contra a liminar expedida dia 28, que proibiu a redução do preço mínimo do leilão dos bois piratas.

A idéia do governo era oferecer os 3.046 animais com deságio de até 60% em relação ao preço do mercado, mas na semana passada um juiz impediu o deságio dos lotes, o que levou o Ibama e o Ministério do Meio Ambiente a entrarem com um recurso no Tribunal Federal Regional da Primeira Região. Os animais eram criados na Estação Ecológica da Serra do Meio, que fica em Altamira (PA). Esta seria a quarta tentativa do governo de vender os animais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.