Tamanho do texto

Economia do governo para pagar juros ficou em R$ 11,2 bilhões, frente R$ 10,6 bilhões registrados em junho

O governo central registrou em julho superávit primário de R$ 11,184 bilhões. O resultado supera o valor obtido em julho de 2010, positivo em R$ 779 milhões, e ficou 5,6% acima de junho deste ano, quando ficou em R$ 10,587 bilhões.

O resultado primário do governo central compreende a economia para pagamento de juros do Tesouro Nacional, Banco Central, (BC) e Previdência Social.

No mês passado somente o Tesouro economizou R$ 13,336 bilhões. Já a Previdência Social registrou déficit de R$ 2,084 bilhões. O BC ficou com resultado negativo (despesas de custeio) de R$ 67,2 milhões.

A receita total no mês ficou em R$ 90,139 bilhões, e as transferências constitucionais a estados e municípios somaram R$ 12,340 bilhões. A receita líquida total ficou em R$ 77,799 bilhões e a despesa total ficou em R$ 66,614 bilhões.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.