Tamanho do texto

O seccretário americano do Tesouro, Tim Geithner, afirmou nesta terça-feira em entrevista ao canal CNBC que a crise financeira que assola atualmente os Estados Unidos é sem precedentes e não será resolvida em alguns meses.

"As crises que foram bem resolvidas no passado não foram bem resolvidas em algumas semanas ou em alguns meses, nem mesmo em um ano. Elas demoraram para se resolverem", comentou Geithner.

O secretário do Tesouro qualificou esta crise de "sem precedentes".

"Penso que as pessoas e os mercados entendem que se trata de uma crise financeira grave. Precisamos ser muito sinceros com as pessoas para ressaltar o quanto vai ser difícil. Esta crise vai exigir muitos recursos, e o Estado terá que arcar com riscos que o mercado não pode assumir", prosseguiu.

"Porém, é para isso que foram feitos os estados. A crise não vai se resolver sozinha. A única forma de avançar é tomar as providências mais completas possíveis para tentar relançar o crédito", ensinou.

"Estamos nos esforçando muito para proteger os contribuintes, para assumir riscos que entendemos, e para utilizar os recursos com o objetivo de trazer o máximo de benefícios para o relançamento dos mercados", finalizou Geithner.

hh/yw/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.